voltar

BLTA PROMOVE CONCURSO DE INCENTIVO À ADOÇÃO DE PRÁTICAS SUSTENTÁVEIS ENTRE SEUS ASSOCIADOS;

PROJETOS PREMIADOS SERÃO CONHECIDOS

EM 27 DE NOVEMBRO

 

Criada em 2008, a BLTA (Brazilian Luxury Travel Association) reúne os mais exclusivos hotéis, resorts, pousadas e operadoras do Brasil com o objetivo de promover experiências autênticas, sofisticadas e sustentáveis no país. Nesse sentido, a entidade anunciará, em 27 de novembro, no Hotel Emiliano, os vencedores do I Prêmio Sustentabilidade BLTA. Conforme afirma sua diretora executiva, Simone Scorsato, faz parte dos objetivos da associação “promover a preservação do meio ambiente e das culturas locais, participando do desenvolvimento sustentável dos destinos, de maneira efetiva e não somente no campo do discurso”.

 

Lançada no final de agosto deste ano, a ideia da premiação não apenas reafirma o compromisso da BLTA em promover o Brasil como um destino autêntico e qualificado para um público exigente e sensível às questões globais de sustentabilidade no aspecto social, ambiental e econômico, mas, sobretudo, apoia e incentiva as boas práticas de seus associados junto às comunidades locais. Nesse contexto, o I Prêmio Sustentabilidade BLTA irá possibilitar uma troca de informações e experiências entre seus integrantes sobre turismo responsável, conservação da natureza, valorização cultural e desenvolvimento socialmente justo e economicamente viável para as comunidades diretamente envolvidas nos projetos.

A inciativa visa promover e multiplicar as ações e as boas práticas de sustentabilidade entre todos os associados, reconhecendo as melhores práticas e dando visibilidade a seus protagonistas, às comunidades locais e aos destinos envolvidos nas ações. “Nossos esforços estão concentrados em promover um Brasil contemporâneo e sustentável de maneira genuína, inovadora e autêntica nas ações e eventos da BLTA nos mercados nacional e internacional, alinhada aos valores do mercado de luxo global, afinal sustentabilidade não é um conceito, é um valor. Além disso, a consciência ambiental é um tema atual e urgente”, complementa Simone.

 

A premiação contempla ações em diferentes categorias:

Conservação: medidas e projetos que tenham por objetivo a proteção dos recursos naturais (conservação de biomas, fauna, flora, gestão consciente do uso da água, energia e efluentes líquidos).

Cultura: ações e projetos direcionados à conservação e valorização do patrimônio cultural tangível e intangível (artesanato, restauração de bens culturais, produção e promoção de manifestações tradicionais e folclóricas).

Comunidade: ações que ajudem a melhorar o bem-estar e a qualidade de vida das comunidades locais (educação, esporte, saúde, etc.).

Comércio: inciativas que promovam a distribuição de riqueza por meio da produção e comercialização de produtos e serviços locais para os turistas (produção de orgânicos, gastronomia local, artesanato, experiências, etc.).

 

Ao todo 10 associados se inscreveram para o I Prêmio de Sustentabilidade da BLTA: Anavilhanas Jungle Lodge, Casa dos Arandis, Cristalino Lodge, Felissimo Exclusive Hotel, Pousada Maravilha, Pousada Literária de Paraty, Reserva do Ibitipoca, Txai Resort, Unique Garden Hotel & Spa e Uxua Casa Hotel & Spa. Estes projetos serão submetidos a um grupo de jurados, que irão avaliar, entre 31 de outubro e 20 de novembro, as ações de boas práticas no contexto da hospitalidade e do turismo. No dia 27 de novembro, no Hotel Emiliano, três finalistas irão apresentar seus projetos e o corpo de jurados identificará um único ganhador.

 

Jurados:

• Fábio Feldmann – consultor em meio ambiente e sustentabilidade

• Fernando Kanni – professor de Turismo e Sustentabilidade do SENAC

• Márcia Hirota – Diretora Executiva da SOS Mata Atlântica

• Paula Arantes – Consultora em Turismo Sustentável e coordenadora do FITS (Fórum Interamericano de Turismo Sustentável)

• Paula Chamorro – jornalista

• Simon Mayle – Diretor Executivo da ILTM Latin America

 

Sobre a BLTA

A BLTA (Brazilian Luxury Travel Association) foi criada em 2008 por um grupo de empresários que identificou a necessidade de se unir de forma institucional a fim de desenvolver o segmento de turismo de luxo no Brasil. Atuante no mercado nacional e internacional por meio de ações institucionais, comerciais e promocionais de forma associativa ou por meio de parcerias, o principal objetivo da BLTA é a promoção e o fortalecimento do Brasil como destino turístico para o mercado de luxo mundial. A BLTA soma 36 associados, um grupo formado por exclusivos hotéis, resorts, pousadas e operadoras de viagens brasileiras que têm o objetivo de promover experiências autênticas, sofisticadas e sustentáveis no país. Alguns dos parceiros da BLTA são a EMBRATUR, o SENAC, a SOS Mata Atlântica e as Embaixadas do Brasil no exterior.

voltar